Acarajé e Vatapá

1

 

Não, não sou baiana, mas morei lá durante grande período da minha adolescência e tenho boas recordações.

Como falar da Bahia sem mencionar uma das suas peculiaridades que é a culinária? Amo a culinária baiana é de uma diversidade fantástica, muitos temperos, misturas e  sabores indescritíveis.

Bem que eu poderia ter vontade de comer coisas mais fáceis de fazer, não?

Agora sou assim, tenho vontade de comer? Faço!

Li bastante sobre as Receitas de Acarajé e Vatapá nos últimos dias…

Existem muitas receitas diferentes, eu adaptei a minha aos ingredientes que consigo encontrar aqui em Lisboa.

Vou postar o passo-a-passo aos poucos pois ainda estou a fazer, espero que assim eu consiga matar a vontade (e olha que ainda nem estou grávida kkk).

Compartilhem comigo as vossas experiências, já alguém fez? Deu certo?

 

Acarajé passo-a-passo:

Camarão seco? Esqueça isso, aqui em Lisboa será quase impossível de achar. Eu comprei o fresco mesmo, é o que tenho pra já.

Vamos aos detalhes (que são muitos), eu vi em várias receitas que era necessário lavar três ou quatro vezes o feijão, eu lavei mais de dez, pois realmente é difícil fazer com que ele fique branquinho.

Coloque sempre de molho em uma vasilha, bacia, grande para que possa esfregar com as duas mãos.

Troque a água constantemente.

Os ingredientes estão todos representados pelas fotos, acho que assim é mais fácil de entender.

Em princípio é necessário apenas quebrar os 500gr de feijão fradinho no liquidificador e colocar de molho (fotos a seguir).

 

IMG_0788.JPG

IMG_0790.JPG

IMG_0791.JPG

IMG_0792.JPG

IMG_0796.JPG

IMG_0846

IMG_0847

IMG_0848

IMG_0849

Vatapá passo-a-passo:

Como já temos a massa do Acarajé pronta, vamos reservá-la e fazer agora o Vatapá.

Para fazer o Vatapá eu usei:

1 1/2 xícaras de farinha de mandioca;

60gr de amendoim;

60gr de castanhas de cajú;

1 colher de chá de gengibre ralado;

1 cebola inteira;

300gr de camarões frescos sem cabeças e sem rabos;

800 ml de leite de côco;

6 colheres de sopa de óleo de dendê;

sal à gosto.

Iremos bater todos os ingredientes juntos no robô de cozinha ou liquidificador (como o meu é fraquinho fiz no robô) menos o óleo de dendê que servirá para dar cor ao prato quando estiver pronto.

 

 

IMG_0850

IMG_0851

IMG_0852

IMG_0853

IMG_0854

IMG_0855

IMG_0858

Essa é a receita pronta.

Sem a pretensão de que seja perfeita, mas foi bastante satisfatória cá pra casa, todos gostamos muito.

Pode acompanhar com tomatinhos verdes picadinhos e temperados com coentros e sal (eu também coloco umas gotinhas de limão).

Aproveitem!

 

Deixe uma resposta